O RELATO BIOGRÁFICO COMO FONTE PARA A HISTÓRIA

Marly da Silva Motta

Resumo


A historiografia contemporânea registra a crescente valorização das fontes qualitativas em reação à hegemonia das quantitativas, bem como o significativo espaço que os relatos biográficos e as histórias de vida vêm ocupando nos estudos situados no campo da história política. Nesse âmbito, impõe-se o recurso à história oral. O livro Depoimento, de Carlos Lacerda, apresenta-se como caso exemplar do uso da entrevista de história de vida como fonte histórica relevante para se entender a maneira pela qual a memória do passado constrói as pontes para o presente e o futuro.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


OUTRAS PUBLICAÇÕES DA UNIVERSIDADE FRANCISCANA

 

Artes, Letras e ComunicaçãoCiências da SaúdeCiências HumanasCiências Naturais e Tecnológicas

Ciências Sociais AplicadasThaumazeinVidya

 

INDEXADA EM

 

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusiva dos autores.


Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.